setembro 16, 2010

Che está entre nós

Meio cansadinho, com muitas olheiras, mas charmoso e gostoso. Che vive!

Última refeição

No feriado, eu peguei um vôo da Webjet que simplesmente freou no ar. Meus amigos dizem que a perda de velocidade repentina, por conta de algum problema, pode dar essa impressão. Sei lá, para mim ele freou. Imediatamente acenderam os avisos para colocar o cinto e até as aeromoças correram para suas cadeiras. Então, boa coisa não era. O mais engraçado é que você pensa quais seriam suas últimas palavras, ou, no caso, pensamentos. Eu só consegui pensar que não merecia ter como última refeição uma goiabinha Bauducco. Pobreza !

Dois amigos por um amor novo

Adoro pesquisas. Mas, sinceramente, nem sempre as entendo. A Universidade de Oxford, por exemplo, está me apresentando uma matemática meio doida. Segundo os pesquisadores de lá, a maioria das pessoas tem um círculo de cinco pessoas que elas encontram pelo menos uma vez por semana e com quem contam nos momentos de crise. Quando você começa a sair com alguém, esse número cai para quatro, porque você perde dois amigos e incluí o novo namorado, ou namorada, na roda. Esses dois seriam, dizem, um parente e um amigo. Ou seja, quando você iniciar um novo relacionamento já comece a pensar na escolha de Sofia que terá de fazer e quem deixará de lado, senão não cabe o novo affair. Não são estranhos esses ingleses?

Austrália?

Tenho visto muitas pessoas dizerem que diante do quadro eleitoral querem mudar de país. Eu também penso nisso às vezes, para falar a verdade. Só que os motivos talvez não sejam os mesmos. Para mim, se nos próximos quatro anos o tom da mídia permanecer o mesmo do que, tristemente, vejo agora, talvez a Austrália possa ser um lugar melhor para viver. Sem ter de conviver com factóides, apurações mal feitas e contraditórias, e com a falta de discussões sérias e sem rancor sobre o que o país precisa. Não que faça diferença, o Brasil vive um momento tão diferente e interessante que a mídia não está conseguindo acompanhar e está se descolando do seu papel. E é justamente isso que dá uma tristeza.
Bom, naquela ilha eu, de, quebra, ainda posso ficar quietinha em um canto da praia, vendo o balanço dos surfistas nas ondas e as pessoas alegres e felizes. Que nem pensam em se desgrudar da rainha, vejam só. Pelo menos lá mergulharei com verdadeiros, e talvez mais inofensivos, tubarões. É, talvez seja um bom lugar. E para os que se surpreenderem com minha fuga eu ainda posso dizer, "faz de conta que eu nem vim".

Honestly OK

Talvez a resposta não seja a mesma amanhã. Mas hoje, para quem perguntou, é essa. By Dido. Sorry.


21 comentários:

A1 disse...

Está bem derrubadinho esse Che, vamos combinar. Puta cara feio.

Avião não freia nem dá ré, Patty. Agora a goiabinha devia ser proibida.

E Austrália é um bom lugar por qualquer motivo.

Bjs

Kristiane disse...

kkkkk, morrer com a goiabinha entalada é ainda pior Patty.

E concordo com o A1, esse cara é feio mesmo.

Pulastfu, taí gostei da palavrinha de identificação que apareceu aqui, vou adotar.

Ah, e pra não ficar incentivando bizarro, vou mais ou menos assinar meu nome, tá

Inté

Junkie Careta disse...
Este comentário foi removido pelo autor.
Junkie Careta disse...

Até que achei o cara parecido...
~Paty, não tente entender os Ingleses,eu, já desisiti. E, olha que, pelo meu trabalho,sou obrigado a frequentemente conviver com alguns.Deles gosto da ironia fina, da literatura e da música. I'ts enough!
Mas a Dido...a Dido é uma gracinha,e, de vez em quando faz grandes acertos.

Seu amigo retorna com o blog Junkie Careta e te convida para dar uma checada quando tiver um tempinho e deixar o seu comentário inteligente. No post, falo sobre o ser mais maravilhoso da face da terra, segundo uma famosa publicação Inglesa e também endossada por esse anônimo blogueiro metido a colunista cultural.

Pedro disse...

Kriko, eu tinha dúvidas se era Kristina ou Kristiane....Uma hora vc ia entregar, e o motivo (se eu entendi) é que foi mais engraçado.

Patti, estou aguardando.

Beijos

Fluzão Eterno disse...

Criei um blog sobre meu time de coração que é Fluminense e gostaria de perguntar
se você poderia me ajudar fazendo uma parceria de link comigo,desde já muito
obrigado e parabéns pelo seu blog:
http://fluzaoeterno.blogspot.com/

Fluzão Eterno

Ainda tenho o
http://fazendadohumor.blogspot.com/
Humor
http://atualinformaticanews.blogspot.com/
Informatica
http://www.heroisdavida.blogspot.com/
Vida de bombeiro
http://centraldoamorvirtual.blogspot.com/
Mensagens

Por favor me ajude com essa parceria de link ai,um abração e fico na torcida para
que você aceite

Kristiane disse...

E aí, Patty, sumiu? Eleição chegando e ainda não estou convencida em quem votar. Estava esperando vc pra me ajudar. Volta, né.


Lorde, acho que vc entendeu sim kkkkkk. Mas pode? E ainda falante?

Inté

Sylvio de Alencar. disse...

O cara é bem parecido. Não é feio.

Tirando o auê, a morte é uma coisa prosaica.

Li que o círculo de relacionamentos de uma pessoa normal consiste de, no máximo, de cento e alguma coisa pessoas.

Um amigo está morando na Austrália. Não quer voltar...

Não conhecia a Dido. Uma boa voz, uma boa banda; já a musica..., legalzinha.

Abraços.

Pedro disse...

Passado o inferno astral não dá para reviver o blog?

Parabéns de novo

Beijos

Chorik disse...

Where are you?
Where, where?
Where, where?

Rodrigo Rocha disse...

Patty passei para conhecer seu blog ele é not°10, show, espetacular, muito maneiro com excelente conteúdo você fez um ótimo trabalho desejo muito sucesso em sua caminhada e objetivo no seu Hiper blog e que DEUS ilumine seus caminhos e da sua família
Um grande abraço e tudo de bom

Patty Diphusa disse...

A1, concordo, Austrália não deve precisar de motivo.

bjs

Patty Diphusa disse...

Kriko, nunca vou conseguir te chamar de Kristiane. E o Pedro já tinha até ideia do seu nome, veja só. Eu nunca imaginei.

Sobre a eleição, tenho certeza que vc votou bem.

bjs

Patty Diphusa disse...

Junkie, acho que Morrisey teria um orgasmo múltiplo (pode ser?) com seu post. Muito bom, como sempre.

Bjs

Patty Diphusa disse...

fluzão, quantos blogs. Vou linkar.

bjs

Patty Diphusa disse...

Sylvio, o bom do auê é que o morto não participa.Como se diz no twitter, toma activia com johnny walker, rs.

Tks pela visita.

Bjs

Patty Diphusa disse...

Chorik, estava por aí, fazendo o que não sei exatamente. Saudades de vc.

bjs

Patty Diphusa disse...

Rodrigo, obrigada pelos elogios. E paz pra vc e sua família tbem.

bjs

Patty Diphusa disse...

Pedro, Pedro, o que posso dizer? Eu amo vc é suficiente?

Beijos

Anônimo disse...

Sim, muito. E recíproco.

Beijos

Log disse...

Entre o Brasil e a Australia eu prefiro o Brasil. A Australia é um continente, muito diferente de uma ilhota, se for pra ficar na praia, melhor no Brasil.

Outro motivo que o o Brasil é melhor, é justamente lá ainda ser uma monarquia. E não se engane, eles são tão conservadores como os brasileiros, e tratam seu povo indígena pior que aqui.

Esxiste um filme baseado em fatos reais que não me lembro o nome onde mostra a subvida que os Aborigenes vivem na Australia, é muito triste!